Resenha - Harry Potter e a Criança Amaldiçoada

Olá queridas mamães e leitores!

Hoje vou falar do meu queridinho Harry Potter! Sim sou apaixonada por ele.
Quando lançou o 8º livro "Harry Potter e a Criança Amaldiçoada" em inglês logo quis ler, mas esperei lançar em português mesmo.



Então comprei o livro e li em 24horas!! Sim super rápido.
Porém o livro é contado como uma peça de teatro. A peça que estreou em Londres e foi sucesso.
Então como o livro é contado em atos, foi rapidinho para ler.

A peça teatral não foi escrita pela J.K Rowling, mas teve a participação e aprovação dela.
Confesso que ao ler o livro é bem perceptível que não foi ela quem escreveu.

Eu como fã de Harry Potter fiquei muito feliz que após tantos anos, chegou nas livrarias uma nova história, mas também confesso que não me empolgou muito (minha opinião)

Agora a resenha:

O livro se passa 19 anos após a Batalha de Hogwarts, quando Harry vence. Harry é casado com Gina Weasley e tem 3 filhos. Hermione é casada com Rony e eles tem 2 filhos.
Harry trabalha no Ministério da Magia e tem um cargo alto,  Hermione é ministra da magia e Rony cuida da Gemialidades Wesley.
Pode ser dizer que eles são personagens secundários na história, pois a peça teatral centraliza o filho do meio de Harry, o Alvo Severo.



O livro se inicia onde o último livro terminou, nas estação King Cross, Harry e sua família levando os filhos para o Expresso Hogwarts. Alvo Severo questiona o seu medo da seleção de casas. Ao entrar no Expresso, Alvo e Rosa (filha de Hermione e Rony), vão procurar uma cabine. Rosa questiona a importância da cabine, que com quem se sentar será seu provável amigo pelo resto da vida. Alvo, abre a primeira cabine e nela já tem alguém, nada mais, nada menos do que Escópio Malfoy. Alvo decide ficar por lá, Rosa não.
Daí nasce uma amizade improvável. Tem uma "fofoca" sobre a origem de Escórpio (mas aí você tem de ler para saber).



Eles chegam a Hogwarts e Alvo é selecionado para Sonserina (uau), Alvo só é famoso pelo fato de ser filho de Harry (um fato que ele não gosta), ele não tem habilidades mágicas boas.
Então no Ministério da Magia, "aparece" um vira tempo, e eles estavam proibidos no mundo mágico.
Alvo escuta uma história sobre o vira tempo e tenta virar um "herói", salvando uma vida que foi perdida por causa de seu pai (leiam e descubram quem).
Junto com Alvo, vai Escórpio e uma mocinha chamada Delfi, eles começam a voltar no tempo e aí começa a mudar a história e a peça/livro toma toda forma com essas viradas no tempo.



Não vou falar mais do livro para não estragar a graça para quem ainda não leu.

Como personagens secundários, achei super estranho Harry, Hermione e Rony adultos, não pareciam os mesmos de antes, sabe falando de personalidade mesmo, eles não eram mais iguais. Gostei do fato de Draco também estar na história, e mesmo com estranheza ele se socializar bem com HArry, Hermione e Rony.
Os outros filhos de Harry nem aparece, dos filhos de Hermione a mais citada é Rosa, o menino nem fala.
Amei o fato de ter uma nova história sobre Harry Potter, mas achei a história bem fraquinha, talvez pelo fato do livro ser todo em diálogo (por ser uma peça teatral), talvez pelo fato de não ter sido escrito pela J.K. queria mais, algo mais profundo! Quem sabe futuramente né?

Espero que gostem e quem leu deixe sua opinião aqui!!

Beijos!!


Comentários
0 Comentários

0 comentários:

Postar um comentário